IGREJA ASSEMBLÉIA DE DEUS EM ARACAJÚ, MIN.YHAVÉH SHAMÁH.
AV: HERACLITO GUIMARÃES ROLEMBERG, 4790, CONJ. ORLANDO DANTAS-ARACAJÚ-SE



sábado, 25 de junho de 2011

Pregação Ap. René Terra Nova - 1 / 5

RENE TERRA NOVA - A IDENTIDADE DE UM LÍDER 04-06

APÓSTOLOS FORAM RECEPCIONADOS APÓS CHEGADA DE MANAUS

APÓSTOLOS FORAM RECEPCIONADOS APÓS CHEGADA DE MANAUS

Nesta ultima terça feira dia 21 de junho, à Igreja Assembléia de Deus Em Aracaju, Ministério Yhavéh Shamáh, recpcionou a apóstola Regina que recebeu a unção em Manaus no ultimo domingo, a Igreja estava feliz por agora ter seus pastores com a unção apóstolica, estiveram presentes toda a líderança do ministério, quem também esteve prestigiando a festa foi o pastor e vereador Jony que na oprtunidade falou sobre a importância da unção apóstolica, tambem o apóstolo Wilson Nabuco e a apóstola Regina falaram da importância da unção.

quinta-feira, 23 de junho de 2011

CONGREGAÇÃO DO PARQUE SÃO JOSÉ REALIZOU JANTAR

No ultimo dia 11 de junho foi ralizado jantar para casais, a coordenadora e missionária Micheli junto com a sua equipe foi quem organizou a festa, e quem ministrou para os casais foi o pastor Rosendo Filho e sua esposa pastora Ivani. A congregação do parque no municipio de Socorro - Se é pertencente a Assembléia de Deus Ministério Yhavéh Shamáh.

terça-feira, 21 de junho de 2011

SERGIPE TEM NOVOS APÓSTOLOS UNGIDOS EM MANAUS

Nesta ultima semana foram ungidos novos apóstolos e apóstolas do Estado de Sergipe na cidade de Manaus, foram legitimados diante de uma grande líderança internacional, tiveram presentes o embaixador de Israel, o evangelista Reinhard Bonnke, pastor Jonatas Câmera vice presidente da convenção das Assembléias de Deus do brasil e presidente das Assembléia de Deus em Manaus, varios países também foram representados por pastores e apóstolos e teve a presença de mais de 200 mil pessoas, foi uma semana inesquecivél. O Apóstolo Renê Terra Nova ministrou a unção apóstolica e falou que cada um já sabe o que tem que fazer com a unção, conquistar os territorios e juntos tomarem a nação para o Senhor Jesus. são estes os novos apóstolos: ROSENDO, MANOEL, CANDIDO, REGINA, ARISLÂNIA, ADAIR, ELZA, IVETE.

SERGIPE TEM NOVOS APÓSTOLOS UNGIDOS EM MANAUS

SERGIPE TEM NOVOS APÓSTOLOS UNGIDOS EM MANAUS

sexta-feira, 17 de junho de 2011

CONGRESSO DA VISÃO CELULAR EM MANAUS 1º DIA

ABERTURA DO PRIMEIRO DIA DE CONGRESSO INTERNACIONAL DA VISÃO CELULAR NO MODELO DOS 12 FOI SOBRENATURAL, O APÓSTOLO WILSON NABUCO ESTEVE PRESENTE COM OS 12 DO ESTADO DE SERGIPE, ESTÁ DE PARABÉNS O APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA POR PROMOVER ESTE AVIVAMENTO EM NOSSA NAÇÃO.

CONGRESSO DA VISÃO CELULAR EM MANAUS 1º DIA

domingo, 5 de junho de 2011

Marcha pela Família

Lei não pode criar 'terceiro sexo', diz Magno Malta em marcha em Brasília.

01/06/2011

Parlamentares participaram de evento contra projeto que criminaliza homofobia.

Do G1 DF

O senador Magno Malta (PR-ES) disse nesta quarta-feira (1), durante manifestação em frente ao Congresso Nacional contra a aprovação do projeto de Lei da Câmara (PLC) 122, que criminaliza a homofobia, que o Senado não tem poder para criar “um terceiro sexo” por meio de legislação.

"Se Deus criou macho e fêmea, não vai ser o Senado que vai criar um terceiro sexo com uma lei" disse. "É preciso que eles [homossexuais] entendam que o anseio grotesco de uma minoria não vai se fazer engolir", afirmou.

O evento, batizado de Marcha pela Família, foi organizado pelo pastor Silas Malafaia e reuniu diversos parlamentares contrários ao projeto de lei em cima de carros de som – entre eles os deputados federais João Campos (PSDB-GO), Ronaldo Fonseca (PR-DF), Jair Bolsonaro (PP-RJ) e Anthony Garotinho (PR-RJ), e os senadores Marcelo Crivella (PR-RJ) e Walter Pinheiro (PT-BA).

A PM estimou em até 20 mil pessoas os presentes na Marcha pela Família.

Nota: no noticiário das TV’s a marcha foi calculada em 30.000 pessoas.Incluindo padres católicos e seus paroquianos, além de pessoas não favoráveis a este Projeto de Lei.

Garotinho se manifestou contra a aprovação do projeto. “Eles [os participantes da marcha] amam a todas as pessoas, só que não concordam com o pecado de algumas”, disse.

A polícia formou um cordão de isolamento para evitar conflitos entre os dois grupos. Um contingente de 110 policiais foi deslocado para o local para acompanhar o evento.

Ainda assim, os dois grupos se hostilizaram. Os defensores do projeto de lei chamaram os integrantes da Marcha pela Família de "nazistas" e "fascistas". O deputado Jair Bolsaro rebateu as acusações. "Eles são ridículos. Até o que eles falam é ridículo", afirmou.

Os manifestantes que defendem o PLC 122 carregavam faixas e entoavam palavras de ordem em favor de uma "família plural". Muitos se vestiram de roxo. A manifestação foi organizada pela internet, mas muitos chegaram ao local sem saber que havia um evento organizado.

"Eu viria de qualquer jeito, independentemente de ter um evento organizado ou não", disse Cristiano Ferreira, 35, servidor público. Ele vive há 3 anos com um companheiro e defende o projeto de lei. "O Estado é público e laico, e por isso não pode privilegiar o pensamento de uma religião para defender uma legislação", afirmou.

Não se trata, apenas de defender um pensamento religioso, como diz o Sr. Cristiano.

Na realidade é em defesa da Constituição, que se procura barrar este Projeto.

E por ser exatamente laica, ela nos dá o direito de ser contra esta imposição estatal na vida das famílias.

Afinal, estamos num regime republicano pleno, o qual nos permite ser contra aquilo, que fere os princípios, de Família, defendidos na própria Constituição, como já escrevemos e mostramos aqui, nesta página.