IGREJA ASSEMBLÉIA DE DEUS EM ARACAJÚ, MIN.YHAVÉH SHAMÁH.
AV: HERACLITO GUIMARÃES ROLEMBERG, 4790, CONJ. ORLANDO DANTAS-ARACAJÚ-SE



terça-feira, 24 de novembro de 2009

CÂMARA DE VEREADORES APROVA FERIADO NO DIA DE SÃO JOÃO EM ARACAJU, E QUEM FEZ A LEI FOI VALDIR SANTOS QUE SE INTITULA VEREADOR DA CLASSE EVANGÉLICA.

No mês de junho deste ano, o vereador Valdir Santos apresentou o projeto de lei nº 86/2009, na Câmara de Vereadores.

Para que o dia 24 de junho fosse feriado. Nos últimos dois anos, a direção do Sindicato dos Bancários realizou

protestos contra a abertura dos estabelecimentos bancários, o que acabou sensibilizando os representantes do

Legislativo Municipal. Agora a aprovação da lei só depende do prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira.

Na última segunda-feira, dia 9, o vereador Valdir Santos usou a tribuna da Câmara para destacar a aprovação do projeto.

E nesta quarta-feira, dia 11, aconteceu a apreciação final. "No Dia de São João, a Prefeitura Municipal de Aracaju e o Governo do Estado decretam ponto facultativo para os funcionários públicos e o comércio não funciona, mas os bancários e uns poucos funcionários de órgãos federais trabalham. Isso impede a completa comemoração de uma festa que é popular e tradicional no nosso Estado", justifica. “Fonte de divulgação cmaju.” www.cmaju.se.gov.br/index.php?...valdir-santos...vereadores.

O vereador Valdir Santos Aracajú - Se cometeu um pecado contra Deus e traiu um povo que o elegeu, acredito que ele não ouviu a sua cobertura espiritual e expôs ao ridículo a comunidade evangélica apresentando esta lei favorecendo a idolatria . Cabe agora aos pastores e todos evangélicos tomar cuidado com aqueles que se dizem fiel ao evangelho para obter votos e depois que se elegem querem agradar a Deus e o diabo. A comunidade evangélica repudia todas as leis que vai de encontro ao evangelho. Se esta lei iria ser apresentada um dia que não houvesse a participação de um político que se diz evangélico, como ele mesmo Valdir falou em um programa de rádio que vive há política 24 horas, ele deviria dar um tempo também para Deus, para que não viesse a agir pela carne e dar brechas ao diabo para usá-lo. Foi muito infeliz o vereador Valdir Santos e nós evangélicos devemos avaliar este comportamento distorcido deste vereador. Eu e a Igreja que presido já votamos para elegê-lo e estamos desapontados com esta atitude irresponsável. O vereador Valdir Santos deve fazer uma reavaliação na sua vida com Deus e política, pois estar deixando a desejar. Assina: Pastor Wilson Nabuco.

Nenhum comentário: